Divulgação de grupo de leitura: A histérica e a mulher

Grupo de Leitura:

A histérica e a mulher

Se por um lado podemos dizer que a Psicanálise foi criada no encontro de Freud com a histérica, por outro lado uma das perguntas que o mestre vienense deixou sem resposta foi justamente: O que quer uma mulher?

O caminho percorrido por Freud em seus estudos sobre a histeria foi lançando luz sobre a assimetria entre o complexo de Édipo de meninos e meninas, esclarecendo questões fundamentais sobre a feminilidade. Entretanto, em um de seus textos finais “Análise Terminável e Interminável” de 1937, Freud ao tratar do rochedo da castração localiza na inveja do pênis o impasse último do final da análise para as mulheres, que podemos ler com Lacan como uma reivindicação fálica, muito próxima da queixa histérica.

Lacan ao ultrapassar o impasse freudiano quanto ao final da análise, com a conceitualização do objeto a, abre também um novo caminho para pensar a feminilidade numa lógica que não seja toda-fálica. Estabelece, assim, uma distinção fundamental entre a posição histérica e a posição feminina, entre a histérica e uma mulher.

Pretendemos neste ano, a partir da visada lacaniana, fazer o percurso de Freud da histeria à feminilidade.

Bibliografia Básica:

André, S. O que quer uma mulher? Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editora, 1987.

Freud, S.- “Fragmento da análise de um caso de histeria”(1905) Edição Standart das Obras Psicológicas de Sigmund Freud, vol.VII. Rio de Janeiro: Imago, 1980.

________- “Feminilidade”(1932) Edição Standart Brasileira das Obras PsicológicasCompletas de Sigmund Freud, vol.XXII. Rio de Janeiro: Imago, 1980.

Coordenação: Ana Paula da Costa Gomes

Local: Rua Gavião Peixoto, 182 sala 621

Horário: Terça-feira às 13:00     Frequência: quinzenal Início: 29/03/2011

 

Esse post foi publicado em Análise, Contra- tranferência, Educação, Eventos, Formação, Psicanálise, Tranferêrncia e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s