Novos caminhos entre Psicanálise e Arte.

Já faz algum tempo que a expressão artística vem tomando um importante lugar, de intervenção em minha clínica. A arte, enquanto instrumento de comunicação inconsciente traz significantes não ditos, que estabelecem conexões discursivas. Já disse Julio de Mello (Autor: Psicossomática Hoje), que: “Quando a boca não fala os órgãos choram”. Então a expressão artística é a forma saudável de sublimação, para que nosso corpo sintomático, não venha a chorar (digo: através de doenças psicossomáticas).

Já na clínica da psicose a arte, muitas vezes, torna-se um reflexo de um inconsciente exposto, totalmente a “céu aberto”. Também funciona, em alguns casos, como um desvio ao olhar do analista, que se decifra como um olhar “objetificante”, ainda nos casos de psicose.

Recentemente a artista Luciane Valença me fez um inusitado convite: fazer a crítica de uma de suas telas, do ponto de vista psicanalítico. Já que sua obra foi idealizada pela motivação, de conceitos em psicanálise. Confesso que foi um interessante desafio, que ao final se traduziu numa percepção, bem fiel ao que a artista pretendia enunciar em sua obra. Um grato desafio e mais uma oportunidade de conexão entre psicanálise e arte. Segue abaixo a critica.

“Psiqué” por Luciane Valença, é um convite a uma viagem inconsciente. Contempla aspectos do feminino e masculino retratado através do simbolismo da gestação e fecundação, em matizes de azul. A artista destaca o olhar como centro de sua obra, tão claramente referente à pulsão escópica, que se caracteriza pela energia libidinal do olhar. A multiplicidade de nuances revela a sublimação de um inconsciente, que não está a céu aberto, mas se comunica por formas, luzes e cores.

A arte é um significante instrumento e ponte fecunda de contribuição ao saber psicanalítico.

Em sua arte Luciane comunica o indizível, ilustrando o processo de “bem dizer” sobre si mesma. Uma experiência analítica, auto-referente e convergente ao saber psicanalítico com a arte.

Uma surpreendente visada!!!

Abaixo, link do site Atelier Valença, onde consta a crítica e outras obras, produto do sensível e perspicaz olhar da  família Valença.

http://valencaearts.blogspot.com/2010/10/tela-psique.html

Esse post foi publicado em Psicanálise e Outros Saberes e marcado , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s